RSS

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Eu vi o filme


Já estou dentre os seres humanos que assistiram ao filme "A Origem". Foi esta semana, num daqueles dias com barulho de chuva no telhado e aconchego de marido. E, é claro, também terminei sem saber ao certo se tudo aquilo não passava de sonho ou realidade.

O mais intrigante deste filme foi perceber que fiquei quase metade dele sem entender muito bem o que estava acontecendo. Um roteiro complexo, uma história idem, mas que no frigir dos ovos conseguia prender o espectador de forma única. Incrível, como conseguiram prender a atenção num universo absolutamente incompreensível: o mundo dos sonhos.

Não vou aqui contar o filme, claro, mas apenas recomendá-lo. Da metade pra frente, o filme começa a ganhar sentido e a história se encaixa como peças de quebra cabeças perfeitas. Acredito que ficaria muito melhor, todavia, se a ideia que se estava tentando implantar na mente de um dos personagens, através do sonho, fosse algo mais interessante do que uma disputa de herança. Quem sabe algo que interferisse nos destinos da humanidade? Implantar a ideia de que a bomba atômica não deveria ter sido lançada e mudar a história? Enfim, críticas à parte, o filme é daquelas obras que merecem ser vistas e apreciadas.

Em tempo: apesar de encontrar alguns detalhes no filme que remete à ideia de que, ao final, tudo parecia um sonho contínuo, eu sou daquelas que acredito que o desfecho se dá na realidade... só entenderá quem assistir.

Vá pra locadora já!

2 comentários:

Blog disse...

Ainda não estou no grupo das pessoas que viam, mas vou atrás.

Fernanda disse...

Vou assistir, valeu a dica.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...